MEU FILHO É INOCENTE: Imagens da briga entregues a polícia podem inocentar Jesley Teixeira acusado de lesão corporal
06/02/2019 16:19 em SANTA FÉ DO SUL:

O caso Alan, "bixo" do Unifunec, agredido na festa de recepção dos novatos parece que pode ter uma reviravolta. Em entrevista exclusiva a Rádio Santa Fé, a advogada de Jesley e Bruno, Dra. Tamiris, a irmã e da mãe do acusado Jesley Teixeira, fizeram revelações sobre o caso. 

Segundo elas, imagens de segurança de uma loja na rua onde a confusão generalizada aconteceu, mostra os verdadeiros agressores, e inocenta Jesley pelo crime. Segundo Tamiris, as imagens foram entregues ao delegado Dr. Marcelo França e a equipe de investigadores chefiada pelo investigador Caneco.

A mãe e a irmã de Jesley, disseram que a família está sendo ameaçada de morte, entre outras barbarias. "Hoje fui numa loja e uma menina me viu e disse olha lá ela tá sorrindo enquanto o Alan tá na UTI", chorou a mãe ao contar. "Esse fato acabou com a família. Meu irmão estava bêbado e foi achado droga no carro e ele deve pagar por isso, mas não pela agressão", comentou a irmã. Ela destacou que a confusão iniciou-se dentro da festa regada a muita bebida e terminou pro lado de fora.

A mãe do outro acusado o Bruno, também falou a nossa reportagem. As entrevistas sem edição, será veiculada amanhã, às 11h no Bastidores da Notícia.

COMENTÁRIOS