SANTA FÉ DO SUL: Leandro do Açougue foi vítima de tentativa de roubo por ex-funcionário | SANTA FÉ 100,5 FM
14/11/2017 14:45 em SANTA FÉ DO SUL:

O comerciante Leandro da Silva Pereira o “Leandro do Açougue”, foi vítima de tentativa de roubo a mão armada no início da noite segunda-feira (13) quando estava com alguns amigos em uma chácara na rodovia dos Barrageiros, próxima ao Motel Paraty.


De acordo com Leandro, ele e mais uns dez amigos estavam na chácara preparando carne para um churrasco e tomando cerveja, quando de repente surgiram dois elementos gritando “mãos pro alto, mãos pro alto, nós queremos ouro”.  


Leandro disse que na chegada um dos elementos deu um tiro para o alto gritando que não era brincadeira, a seguir o revistaram e também os amigos em busca de ouro, ordenando a todos que se ajoelhassem ao chão.


Um dos bandidos teria pegado a carteira do comerciante e revirado em busca de valores.  “Tinha cheques e algum dinheiro na carteira que ele pegou, mas eles insistiam pelo ouro, ficaram o tempo todo a minha volta, parece que conheciam meu hábito de usar frequentemente uma corrente” disse Leandro.


“Disse a um deles que as correntes que tinha estavam em minha casa, que se quisessem eu buscaria, foi quando ele disse que não aconteceria nada comigo, já estavamos de saída para a minha casa e, com o outro começando a amarrar meus amigos, quando surgiu uma viatura e ambos saíram correndo” disse Pereira. 


A ação da polícia obteve êxito, a partir do acionamento do COPOM por um funcionário da chácara após ouvir o disparo da arma e perceber a movimentação estranha no local. Acionadas as policias rodoviária que fazia patrulhamento na região e a militar, realizaram o cerco rapidamente.

 

Um dos bandidos foi capturado tentando a fuga, no plantão policial o meliante V.F.S. de 20 anos, delatou o companheiro com sendo M.M.B. também de 20 anos, um ex-funcionário de Leandro. A esposa de M.B. está gravida e o filho nascerá no próximo mês.

 

Com V.F. a polícia apreendeu um revolver calibre 38 e recuperou quatro folhas de cheques preenchidas no valor de R$ 4.300,00 cada e ainda R$ 20,00 em espécie, totalizando R$ 17.220,00.


A moto Honda CG 150 utilizada para a pratica do crime era de propriedade da mãe de M.M.B., que segundo ela é seu meio de locomoção para trabalhar. 


A prisão foi efetuada pelos policiais rodoviários cabos Ventura e Farineli, além do soldado Fazolli e do sargento Cotrin.

 

FONTE: correiosantafe

COMENTÁRIOS