PRESIDENTE DECRETA O FIM DO USO DE RADARES MÓVEIS EM RODOVIAS FEDERAIS
13/08/2019 07:41 em ACONTECE:

Anunciado pelo presidente Bolsonaro em visita às obras de duplicação da BR-116 em Pelotas, é o fim do uso de radares móveis. A notícia pegou de surpresa a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Até a notificação oficial, nada muda. Essa não foi a primeira vez que o presidente se inflamou contra os controladores de velocidade. Em março, defendeu o fim dos radares móveis, chamados por ele de "armadilha", e das lombadas eletrônicas. 

Á época, o chefe do executivo federal cancelou o pedido de renovação de 8 mil novos radares eletrônicos. Porém, o próprio governo andou na sua contramão. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), vinculado ao Ministério da Infraestrutura, assinou um acordo proposto pelo Ministério Público Federal (MPF) para instalar os equipamentos.

COMENTÁRIOS